Aletria com Redução de Vinho do Porto e Amêndoas Caramelizadas



Hoje deixo-vos a minha sugestão de aletria, pois no Natal de muitas e muitas pessoas, esta é uma sobremesa que não pode faltar.
Cá por casa e desde que me lembro de "ser gente", a tradição põe à mesa o arroz doce...a tradição é assim mesmo.
O certo é que há umas semanas atrás, a Milaneza fez-me o convite de participar num passatempo de Natal que iriam dinamizar no Instagram. Para o passatempo convidaram três bloggers para lançarem uma proposta de entrada, prato principal e sobremesa confecionados com as saborosas massa Milaneza. Cada blogger ficou destacada para um dos pratos lançando o desafio aos seus seguidores de se candidatarem a ganhar um cabaz Milaneza apresentando propostas de pratos, nas diferentes fases do passatempo.
Claro que aceitei o convite com muito gosto, pois esta é uma marca que faz parte da minha cozinha desde sempre.
Mãos à obra e eis que surge a minha primeira aletria. 
Espero que gostem, pois por aqui ficou aprovadíssima entre a cremosidade da aletria, envolvência da redução com a textura conferida pela amêndoa caramelizada.
Um Santo e Feliz Natal para todos!
Ah, e se tiverem Instagram partilhem a vossa receita de aletria com as hashtags #NatalMilaneza e #Milaneza e habilitem-se a ganhar um maravilhoso cabaz cheio de coisinhas boas da Milaneza. Eu estarei atenta a todas as vossas sugestões para poder escolher a melhor receita. 
Beijinhos


Ingredientes:
1l de leite + 150ml
200g de açúcar
1 pau de canela
2 estrelas de anis
3 vagens de cardamomo
1 casquinha de limão
1 c. sopa de manteiga
1 pitada de sal
3 gemas L

Redução de Vinho do Porto
375ml vinho do porto ruby
70g açúcar mascavado claro
2 estrelas de anis
1 paus canela
1 c. chá aroma baunilha líquido
1/2 c. chá gengibre (pó)
1 cravinho
125 ml água

Amêndoa Caramelizada
100g amêndoa laminada
Açúcar amarelo q.b. (cerca de 1,5 c. sopa)


Na Cuisine Companion
Comece por fazer a redução.
Na taça, sem acessório, coloque os ingredientes da calda. Programe SlowCook P2, aumentando a temperatura para 100º. Ao fim desse tempo, repita o programa, mas sem tampa de vapor. Deverá ficar consistente. Se necessário, faça Slow Cook P1. Retire da taça e reserve.

Para a aletria
(utilizei tempos com base numa receita da Patrícia Monteiro que vi no grupo Cuisine Companion da Moulinex) embora tenha alterado os tempos um pouco.
Parta a aletria dos novelos e reserve.
Na taça, com o acessório misturador, coloque todos os ingredientes exceto o açúcar, aletria, 150ml e gemas. Programe Vel. 3, 10 min, 100º.
Em seguida, adicione o açúcar e programe vel. 3, 100º, 7 min. Começando o programa, vá adicionando pelo bocal da tampa de vapor a aletria aos poucos. Se necessário, abra a tampa para desembaraçar a aletria do misturador.
Depois, bata as gemas nos 150ml de leite. Programe 3min., vel. 3, 100º. Verifique se quer mais sólida. Se assim for, acrescente 1 ou 2 min.

Para caramelizar as amêndoas, coloque as lascas numa frigideria anti-aderente com o açúcar. Leve ao lume. Quando estiverem a dourar, retire e disponha sobre papel vegetal, separando as lascas.

Sirva em taças, colocando no fundo 1 c. sopa de redução, depois a aletria e por cima as amêndoas. Se quiser opte por servir em travessa com as amêndoas por cima e regue à volta a redução. Tão bom!

Modo Tradicional
Para a redução proceda de modo igual ao descrito acima utilizando o tacho. 
Leve ao lume os ingredientes da aletria, exceto os 150ml de leite e as gemas. Quando começar a ferver adicione a aletria. Deixe ferver cerca de 5 min., mexendo de vez em quando para soltar a massa. Tape o tacho neste passo, para não perder tanta humidade e secar em demasia a aletria. Findo os 5 min. retire do lume. 
Depois bata as gemas com os 150ml de leite e adicione um pouco do caldo da aletria de modo a aumentar a temperatura das gemas. Misture as gemas à aletria aos poucos e leve novamente ao lume para cozer as gemas, tendo cuidado para não deixar ferver.
Em seguida, retire o pau de canela, estrelas de anis e casca de limão.
Sirva de imediato como descrito acima.








Comentários

  1. Uma sugestão maravilhosa! Parabéns.
    Beijinhos e Boas Festas!

    ResponderEliminar
  2. Nunca provei aletria doce, mas ia adorar saborear uma tacinha das tuas.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Obrigada por visitar o blogue e pelo seu contributo. Volte sempre!

As mais vistas