Doce de Tomate e Manjericão


Este é dos meus doces preferidos quer na utilização mais habitual, barrando uma torrada, quer na utilização em receitas de pratos principais, entradas ou até mesmo sobremesas.
Cada colherada desta maravilha é pura viagem de sabor.
Este foi um doces que levei ao Showcooking "Doces e Compotas: da entrada à sobremesa" que realizei recentemente a convite da Câmara do Comércio de Angra do Heroísmo e no âmbito da presença da Venda Açoriana nas Festas da Praia 2019. 
Utilizei-o na entrada que apresentei e quer na torrada ou na entrada, o certo é que fez sucesso e fiquei muito feliz com o feedback de quem provou.



Ingredientes:

1,5kg tomate s/pele e s/sementes
1kg açúcar (500g amarelo, 500g branco)
180g pectina natural
25g manjericão
4 cravinhos
4 paus de canela
4 tiras de casca de limão
Meio limão (sumo)
Para versão compota: Usar as sementes. Pode usar 80% de porção de açúcar em relação ao fruto a usar. Gosto assim pois trará uma caramelização muito interessante na confeção de pratos salgados.

Modo Tradicional
Comece por pelar os tomates. Lave-os. Retire-lhes o pé e faça um corte em cruz no lado oposto do pé à superfície da pele, para ser mais fácil retirá-la depois.
Coloque água a ferver num tacho. Quando ferver mergulhe os tomates na água e deixe-os estar na água cerca de 20 segundos mais ou menos. Retire-os da água e mergulhe em água gelada. Pele-os e retire as sementes.
Triture o manjericão.
Depois leve todos os ingredientes ao lume num tacho, preferencialmente de fundo alto, se tiver. Deixe ferver. Depois de ferver baixe o lume e vá mexendo de vez em quando até que atinja o ponto. Costumo levar o doce aos 120º, até ponto estrada.
Retire as cascas de laranja, cravinhos e paus de canela.
No final rega com sumo de ½ limão e envolva.
Reserve em frascos esterilizados. Deixe-os arrefecer de cabeça para baixo.
Guarde o doce no frasco hermética fechado e esterilizado em local seco e escuro ou no frigorífico. Bem selado, o doce tem um período de conservação longo.

Na Cooking Chef da Kenwood
Comece por pelar os tomates. Lave-os. Retire-lhes o pé e faça um corte em cruz no lado oposto do pé à superfície da pele, para ser mais fácil retirá-la depois.

Coloque água a ferver num tacho. Quando ferver mergulhe os tomates na água e deixe-os estar na água cerca de 20 segundos mais ou menos. Retire-os da água e mergulhe em água gelada. Pele-os e retire as sementes.
Triture o manjericão.
Depois leve todos os ingredientes à taça da Cooking Chef Kenwood. Selecione o programa Sweet e depois Compotas. Aí selecione Compotas de Frutas. Pressione o Enter.
Aplique os acessórios de Mexer Móvel e o Fixo. Fixe o protector de salpicos. E pressione Enter.
Quando terminar o programa, repita para maior consistência, se necessário. Se não, retireas cascas de laranja, cravinhos e paus de canela. Regue com sumo de ½ limão e deixe envolver na vel. 6 por 1 minuto.
Reserve em frascos esterilizados. Deixe-os arrefecer de cabeça para baixo.
Guarde o doce no frasco hermética fechado e esterilizado em local seco e escuro ou no frigorífico. Bem selado, o doce tem um período de conservação longo.

Comentários

  1. Maria Silveira12/12/19, 14:14

    Tive o prazer de provar é excelente! Obrigada Sara por partilhares connosco estas maravilhas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada eu pelo carinho! É um gosto enorme partilhar o que vou fazendo. Beijinho

      Eliminar

Publicar um comentário

Obrigada por visitar o blogue e pelo seu contributo. Volte sempre!

As mais vistas